Plugin QFieldSync

O plugin QFieldSync ajuda a preparar e a empacotar projectos QGIS para o QField.

O QFieldSync suporta a preparação do seu projecto automatizando o seguinte:

  • Passos necessários para a configuração do projeto (por exemplo: ref: portable_project)

  • Criando mapas base de uma única camada raster ou de um estilo definido num tema do mapa.

  • Configurando a funcionalidade de edição off-line e sincronizando as alterações de volta ao projecto desktop.

Fluxo de trabalho

Para obter rapidamente uma visão geral do processo, segue-se uma lista de passos típica:

  1. Criar um pacote QField. Esta é uma cópia de trabalho numa pasta separada.

  2. Copiar o pacote QField para o dispositivo de destino.

  3. Ir para campo e recolher dados

  4. Copiar os dados modificados de volta para o seu computador desktop.

  5. Sincronizar os dados modificados com a sua base de dados ou com os seus ficheiros.

Configuração

A configuração do projecto é guardada no ficheiro de projeto .qgs principal. Desta forma, é possível pré-configurar um projeto uma vez e usá-lo repetidamente.

Configuração das camadas

Na janela de diálogo de configuração do projecto, uma acção pode ser definida para cada camada individualmente. Dependendo do tipo de camada, diferentes tipos de acções estão disponíveis.

Copiar

A camada será copiada para a pasta do pacote. Só está disponível para camadas baseadas em ficheiros.

Nenhuma acção

A fonte da camada será deixada intacta. Só está disponível para camadas não baseadas em ficheiros, tais como WMS, WFS, Postgis...

Edição offline

Uma cópia de trabalho da camada é copiada para a pasta do pacote. Toda as alterações feitas no projecto empacotado durante o trabalho são registadas num log de alterações. Ao sincronizar as alterações mais tarde, esse log será repetido e todas as alterações também serão aplicadas à base de dados principal. Não está implementado um tratamento de conflitos.

Remover

A camada será removida da cópia de trabalho. Esta opção é útil se uma camada é usada no mapa base e não estará disponível no projecto empacotado.

Configuração do mapa de base

Um mapa de base é uma camada raster que é adicionada como a camada mais inferior ao ficheiro de projecto empacotado.

Se a opção do mapa de base estiver activada, um mapa de base será renderizado, sempre que o projeto for empacotado. A área de interesse - a extensão que será renderizada - será escolhida no momento do empacotamento.

Existem duas fontes possíveis para um mapa de base:

Camada

Uma camada raster. É útil para obter uma cópia offline de uma camada on-line tal como uma fonte WMS ou para obter uma cópia de trabalho de um formato não suportado, tal como uma camada ECW ou MrSID.

Tema do mapa

Um tema do mapa. É útil para criar um mapa de base com base numa combinação de várias camadas com estilo. Essas camadas podem ser removidas do pacote de trabalho e não precisam ser renderizadas no dispositivo. Isso pode economizar algum espaço em disco e bateria no dispositivo.

O tamanho de mosaico define a resolução espacial. Determina o número de unidades de mapa por pixel. Se o sistema de coordenadas de referência da tela do mapa tiver metros como unidades e o tamanho de mosaico for definido como 1, cada pixel raster terá uma extensão espacial de 1m x 1m; se for definido como 1000, cada pixel raster terá uma extensão espacial de 1 quilómetro quadrado.

Configuração da edição offline

Se a opção apenas sincronizar recursos na área de interesse estiver seleccionada, somente os objectos que estiverem dentro da extensão da tela do mapa, no momento do empacotamento, serão copiados para a cópia de trabalho de edição offline.